quarta-feira, 1 de agosto de 2012

Por elas. E por mim. Um desabafo!

Mais uma vez escrevo aqui de coração aberto.
E punho solto....
Para quem me acompanha a pouco tempo, sou mãe em tempo integral.
Acordo, durmo, e muitas das vezes tomo banho junto com as meninas, a Luisa de 3 anos  e a Sofia de 1 aninho.
Sou a pessoa mais feliz desse mundo por isso.
Quem me conhece não duvida disso.
Minha família mora em Cabo Frio e aí fica difícil ajuda...
Rodrigo trabalha e às vezes chega bem tarde.

Antes de ser mãe, eu trabalhava e era a profissional mais feliz desse mundo, talvez até na mesma intensidade de ser mãe, ou não.
Tinha amigos ao invés de funcionários e vocês não imaginam a falta que sinto disso.
Como era bom ser paparicada por eles, principalmente quando estava grávida da Luisa, muitos faziam questão de trabalhar comigo, um orgulho.
Orgulho de ser gente boa (até demais), de ser profissional, e principalmente de ser humana.
Mas infelizmente vi muita coisa errada e que me desanimou a voltar a trabalhar....

Também estava estudando acupuntura. Um sonho. Um aprendizado para a vida toda, mesmo não tendo entregue a monografia e portanto, não tendo terminado a pós. Ainda!

Então que me vi mãe.
Uma mãe superprotetora, apaixonada loucamente, muito disposta para todas as dificuldades da maternidade.
Mãe em tempo integral no sentido beeem real da coisa: sem dormir direito, sendo a última a comer, sem tempo de me cuidar, e me cobrando muito em ficar SÓ sendo mãe.

Aííííí, com a Lulu com 1 aninho, descubro que estou grávida novamente.
Um susto, muito choro e até mesmo uma rejeição. Mas que foram diminuindo na mesma intensidade que a barriga ia crescendo.
Nossa, com a chegada da Sofia, entendi finalmente o amor de mãe.
Porque com um filho você ama loucamente, desesperadamente, mas não entende que é sim capaz de amar IGUALMENTE outro serzinho....
É uma dádiva de Deus.
Só quem é mãe sabe. E só quem tem mais de um filho entende isso....
Se eu pudesse seria mãe de mais sei lá quantos... Sério, seríssimo!!!
Junto a chegada da Sofia, por incrivelmente que pareça, a minha cobrança por trabalho foi diminuindo, até porque andei muito sem tempo para pensar.... foi tudo muito corrido com duas pequenas em casa.

Lulu foi para a escola e nossa rotina se encaixou!
Que fase maravilhosa!
E aí minha cabeça mais sossegada começou a funcionar (e como!).
Sempre fui criativa, sempre gostei de escrever, sempre gostei do que é belo, de cozinhar, de festas, e principalmente, DE FICAR COM MINHAS FILHAS.

Precisava unir o útil ao agradável. E assim foi feito.
Quer dizer, assim está sendo feito.
E vejam só!!!!
Uma amiga me ofereceu um emprego. Uma querida que sempre me faz lembrar que sou biomédica (me orgulho demais disso, e agradeço muito ao meu pai pelo esforço de pagar uma faculdade para mim, e pelo incentivo da minha família para eu morar sozinha em outra cidade).
Mas, recusei.
Por elas.
E por mim.

Eu e Rodrigo até chegamos à conclusão de que foi o destino me testando:
- E aí Mirella, vai cair em tentação, ou vai atrás do seu sonho?

E segui o sonho, segui cuidar delas, de pertinho, dando carinho, curtindo cada olhar, cada coisa nova que surge todos os dias.

Por isso, o trabalho em casa. Segui meu sonho antigo, e porque não minha vocação.... tenho tantas, rs.
Vocação em ser mãe, e em fazer as pessoas felizes...

Estou conhecendo pessoas incríveis, como o pessoal super do bem do papel semente, e estou conhecendo um lado meu tão, mas tão otimista, que está contagiando todos aqui em casa, parecido com propaganda de margarina sabe?
Bem no clima de "Oh happy dayyyyy".....
Rimos o tempo todo, andamos fantasiados, curtimos ideias juntos... as meninas se divertem a cada coisa criada por mim, se divertem com o chão colorido de tanto papel picado, a cada saída em busca de coisas diferentes...

A Luisa está com mania de falar um "bordão" meu:
- Mãe, tive uma ideia de gênio!!!! Rsrsrs figura!

E eu que achava que era papo furado da Xuxa em dizer que tudo que tiver que ser será, sonho sempre vem para quem sonhar....
É a mais pura verdade.
Vou sim correr atrás do que eu quero, sem olhar para o lado sequer.
Vou só olhar para frente, para o futuro, porque nele sim vejo tanta coisa boa...

É nesse desabafo que me despeço, por hoje claro, das minhas fiéis leitoras!!!
Ah, para quem me mandou email, vejam se agora dá para comentar!!!

Com o site na reta final, não me aguentei e criei um albinho no facebook...
Gostaram do nome CORTANDO O SETE???

Para quem não sabe, o sete é o número da perfeição, muito falado na Bíblia, são os números da semana, são as cores do arco-iris, são as notas musicais, são as maravilhas do mundo antigo...
Além disso quis "brincar"com a expressão "pintando o sete", mas como o meu forte é cortando papeis, rsrsrs, daí o nome!!!!


16 comentários:

  1. Adorei o nome! O significado, a brincadeira, adorei!
    Acho que onde a gente puder se ajudar a gente se ajuda sim! Dando opinião, curtindo junto, divulgando. Pode contar comigo!
    bjs
    Di - que tem estado nessa mesma vibe ^^

    ResponderExcluir
  2. Deixa aqui o link do seu face, quero te add. Bjos

    ResponderExcluir
  3. Olá! Pouco tempo que te acompanho, quase não comento, mas compartilho de seus sentimentos!
    Parabéns por sua determinação, por suas escolhas e pela realização de seus sonhos!
    Espero continuar lendo o blog.
    Boa sorte na nova empreitada, aliás muito bom o nome!
    Bjs
    Cris (Mamacrica)

    ResponderExcluir
  4. bom demais!
    está de parabéns por respeitar suas prioridades e escolhas.

    bjo grande grande grande

    ResponderExcluir
  5. Com certeza ser mãe é maravilhoso, gratificante, e delicioso mas tenho que te dizer que pelo pouco que eu vi do seu trabalho seria uma pena vc desperdiçar esse talento :)
    É muito bom para as meninas terem a mãe trabalhando por perto, e vc estando mais feliz ainda isso vai refletir muito nas meninas.
    Também queria trabalhar em casa perto das minhas mocinhas, mas infelizmente ainda não encontrei meu dom, além de estar num escritório de advocacia haha.
    Te desejo toda sorte do mundo nessa nova caminhada...
    Beijos flor...
    Beijos nas meninas

    ResponderExcluir
  6. Pelamordedeus, claro que tem que seguir o sonho, Mi! Eu mesma, tô aqui nesse momento no plantão, há quase 24h longe de Lulu e tendo ainda mais 10 horas de trabalho pela frente. Achei que esse seria o meu sonho, só que não. Então, comecei Direito, pra ver se um trabalho mas administrativo me permite ficar mais perto daquela cabritinha que tanto amo.
    É isso. Corte o sete que estamos juntas! =)

    Beijão!

    ResponderExcluir
  7. Eu sou suspeita pra falar, pq adoro sonhar, e sonho com tanto otimismo que acaba acontecendo, fato!
    O seu sonho vai dar certo, já tá dando né, certeza!!

    Saudades, bjus!!!

    Coloca o site no ar, anda!

    ResponderExcluir
  8. Tão bom saber q alguem pensa como eu!!! tb abri mao de tudo pelos meus 2 meninos e estou muito feliz assim!!!! bjsssssss

    ResponderExcluir
  9. Amiga, isso aí, tô contigo! O importante é você se sentir bem e feliz com suas filhotas. Nem dá bola pra opinião alheia pois ninguém sabe o que você sente agora, sendo mãe. Estamos aqui pra te apoiar! Bjos!

    ResponderExcluir
  10. Oi Mirella, tb ando sumido correndo com o enxoval do Benjamim, com o que ainda falta estamos com 35 semanas e contando os dias pra ver a carinha do meu príncípe.

    Adorei o nome Cortando o Sete, bem original e criativo, digno de alguém como você, parabéns.

    Obrigada pelo carinho de sempre, um beijão em vc e nas meninas, meu e do Ben.

    ResponderExcluir
  11. Amiga, nem preciso dizer que nossas histórias são meio parecidas né?? Te dou todo apoio desse mundo!!! Bóra cortar o 7!!!!

    Ameiiiiiiiiiiiiiiiiiiii!!!!

    Beijos

    ResponderExcluir
  12. Aimmm!!! To tão emocionada!!
    Acho vc simplesmente demais, nao me canso de dizer que sou sua fã!❤
    Torcendo muito por vc! Já deu certo!
    Se Deus é por nós né?

    Beijos

    ResponderExcluir
  13. Ei Mirela!! Eu te parabenizo porque é realmente um dom cuidar tão bem e com tanto amor dos nossos filhos.

    Bjs!!!

    ResponderExcluir
  14. Lindo post... Se sigo a tempo, mas hoje resolvi sair da moita rsrs e comentar. me identifiquei muito com sua história, larguei da minha vida profissional e me dediquei por opção a cuidar das minhas filhas, marido e quando sobra tempo da casa, hehe. quando quiser, me visita http://maenainternet.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  15. Eita que eu tava com saudade de ler um post assim, tão cheio de Mirella como nos tempos antigos... Td vai dar erto amiga, porque vc colocou DEUS NA FRENTE! BJs

    ResponderExcluir

Ai que tudooooo, você vai comentar?!?!